7 DICAS DE COMO OTIMIZAR O TEMPO EM SALA DE AULA

Quem é professor sabe como muitas vezes é difícil gerenciar o tempo em sala de aula.

Num curto espaço de tempo são várias coisas que precisam acontecer: ensinar o conteúdo e habilidades, fazer a chamada, apagar o quadro e passar a instruções e a matéria do dia, outras vezes, distribuir o material da aula. Avaliar os alunos, verificar se estão fazendo as atividades e se estão aprendendo. E no meio disso tudo, ainda temos que manter a atenção dos alunos, porque do contrário, a sala vira um caos. Mas, então, como melhorar a gestão do tempo em sala e ter uma aula mais produtiva?

1) Planeje a aula com detalhes – Defina o tempo a ser gasto em cada atividade

Quando estou planejando minhas aulas, eu penso em todos os detalhes. Eu tenho um documento onde tudo é friamente calculado. É um planejamento diferente do que é solicitado na escola. Basicamente, eu defino: 

O tema, a atividade a ser realizada, o que quero como “produto final”, o que será necessário para que a aula aconteça ( materiais, agendar algum espaço, material didático, etc), se terá algum para casa, qual será a atividade do dia e claro: um plano B. Se a aula não puder fluir como o planejado, por qualquer razão, como por exemplo: a sala de vídeo estar sendo usada pela coordenação da escola, não fico desesperada, pois afinal, tenho um plano B. É questão de sobrevivência! =] 

Exemplo do meu planejamento para a sala de aula:

Tema: Arte Egípcia – Conceito e principais características

Material Didático: Apostila – texto sobre arte Egípcia. Pág. 4 e 5

Material de apoio: Gravuras de arte egípcia. Folhas de papel sulfite, lápis de colorir. 

Atividade: Faze o hieróglifo e responder as questões no caderno.

Para casa: Responder o questionário sobre Arte Egípcia. Terminar a atividade prática.

O que é necessário para a aula acontecer: Apostila, Slide sobre Arte Egípcia, Data Show .

Plano B:  Mostrar imagens impressas

=> Vou disponibilizar para vocês uma tabela para que possam planejar a aula de vcs.

Tempo é dinheiro! Ops… Tempo é aprendizagem!

É preciso também definir quanto tempo será gasto em cada atividade. Vai ler algum texto com os alunos? Quanto tempo você mensura que será necessário? Depois, irão fazer alguma atividade prática? Quanto tempo será necessário? Se pautando assim conseguirá ter uma aula mais produtiva sem ultrapassar o limite de tempo da mesma.

—————-ANUNCIO————–

Carimbos Personalizados Visto para Professor


A PRATICIDADE QUE VOCÊ MERECE!

O dia a dia em sala de aula vai ficar muito mais divertido e prático com estes carimbos!

=> Frete Grátis ou amigo

2) Organize materiais  e reserve espaços e equipamentos multimídias antes de entrar para a sala de aula

  1. Faça um cronograma com suas aulas para conseguir visualizar tudo o que precisa para que elas saiam de acordo com o que planejou.Eu costumo utilizar o Google Agenda para me organizar melhor e não ficar pensando em tudo toda hora. O Google Agenda me avisa quando algo precisa ser feito. É ótimo!

 

  1. Precisa agendar algum local na escola, como a sala de vídeo, a sala de informática ou a biblioteca? Pegue o seu planejamento e defina os dias e horários e marque na agenda da escola. Em algumas escolas há muitos professores que precisam do mesmo espaço, portanto, não deixe para agendar na última hora, pois pode atrapalhar o andamento do seu planejamento. E nós sabemos, aula ruim é aula que não foi planejada!
  2. Separe tudo que precisa para a aula: precisa de xerox? Não vale tirar as cópias na hora da aula, certo! Então, já peça as cópias pelo menos com 2 dias de antecedência das aulas. Com os xerox em mãos, separe a quantidade para cada turma.  Ou, de repente precisará de folhas coloridas para fazer um trabalho de colagem. Já faça a solicitação com antecedência. =]

3) Nem tudo precisa ser escrito na lousa, no quadro

Sim, a gente às vezes se esquece de que o conteúdo pode ser passado por outros meios. Como eu tenho apenas uma aula durante a semana, escrever matéria no quadro está fora de cogitação. Afinal, meu tempo é muito curto e precisa ser utilizado ao máximo. Por isso, costumo escrever textos curtos para a aula e disponibilizar o xerox para os alunos.

 

Você pode disponibilizar textos utilizando o Google Docs (em outro momento, falarei sobre o uso de tecnologia em sala de aula). Mas, isso só vai funcionar se a seus alunos possuírem aparelhos que permitam que acompanhem as atividades de modo online. Infelizmente não é essa a realidade da maior parte das escolas públicas.

 

Outra forma de expor os conteúdos é fazer apresentações no Power Point e utilizar vídeos. Eu costumo colocar quiz no meios dos meus Slides, para garantir que os alunos estão prestando atenção e aprendendo. A aula fica mais interessante, já que os alunos não estarão somente ouvindo um conteúdo – o que é chato – mas, também participando. Além do mais, em apresentações de Slide, você pode utilizar imagens coloridas.

4) Compartilhe o cronograma de aula com os alunos

Deixe que seus alunos conheçam o seu cronograma, servirá para que eles se organizem também. Você pode até fazer um combinado com eles, por exemplo: Se terminarem todo o conteúdo planejado antes do tempo estipulado, deixará que no tempo sobressalente façam uma atividade que seja da querência deles. Todo mundo fica feliz. 

 

Isso vale também para o que é o planejado para a aula. Fale para seus alunos o que irá acontecer naquele dia. Ter um roteiro ajuda a aula ser mais produtiva, pois os alunos saberão o que precisa ser realizado naquele espaço de tempo. É como se fosse um jogo. Deixe as regras e o objetivo bem claros. 

 

Fazer com que a turma saiba o quê e como irá acontecer, fará com que ela atribua mais sentido ao que é estudado e assuma a responsabilidade pelo processo de aprendizagem.

5) Invista no tempo fora da sala de aula – Não deixe para a sala o que pode ser feito em casa  

Nem todas as atividades precisam ser realizadas dentro da sala de aula. Para definir quais atividades são prioridade que os alunos façam no tempo em que estão com você, pense na complexidade e na autonomia que os alunos possuem para executá-las.

 

Desta forma, em sala de aula, priorize as atividades que precisam da sua mediação, da sua mentoria. Atividades que podem ser realizadas sozinhas e que eles dão conta desenvolver de modo autônomo devem ser enviadas como para casa ou podem até virar um trabalho.

 

Ex: Exercícios de fixação do conteúdo, questionários, resumos, continuar um trabalho prático (se você é professor de arte), etc.

6) Utilize carimbos automáticos para vistar os cadernos

Já se deparou com uma sala com 30 alunos que estão aguardando pelo visto do professor? É meio caótico, porque você precisa assinar e datar 30 vezes a mesma coisa. Se você leciona em mais de uma escola, multiplique 30 alunos x 4 aulas por dia em 2 períodos (manhã e tarde),  durante 5 dias, você terá assinado 1200 vezes o seu nome no caderno dos alunos. É por isso que, nestas horas, um carimbo ajuda e muito! Agora, imagina se este carimbo, além de ser versátil,  também possuir uma arte criativa e bonita?

 

Foi por isso, que comecei a desenvolver carimbos. Porque era uma dificuldade que tinha em sala de aula enquanto professora. Só que, para mim, não bastava ser qualquer carimbo. Eu amo coisas personalizadas, diferentes e bonitas. Além do mais, é uma forma de demonstrar afeto pelos alunos.

 

Lembro de quando utilizei o meu carimbo de visto pela primeira vez. Além de otimizar o meu tempo em sala de aula, ver a carinha e os comentário dos alunos foi o melhor! 

  • “Olha o carimbo da professora, é uma coruja! Que legal!” 
  • “Eu quero um visto deste!”
  • “Que fofo!”

Depois deste dia, não parei mais de utilizar os carimbos.

 

Mas, não se engane. Prefira os carimbos automáticos. Eu fiz para mim carimbos de madeira e carimbos automáticos. Advinha quais eu utilizo sempre? Acertou, os automáticos! Por serem mais práticos, já que não preciso ficar carregando uma almofadinha com tinta. Eles requerem um pouco mais de investimento, mas vale a pena pelo custo benefício.

 

=> Você pode conferir modelos na loja www.lojavidadeprofessor.com.br.  Que são criados com um designer super arrojado. Dá olhada, você vai gostar.

 

Não queremos simplesmente te vender um produto. Queremos que você tenha a mesma experiência positiva que tive ao usar o carimbos em sala de aula. E, me conta como foi utilizá-lo em suas aulas, vou amar saber! =]

7) Dica de Ouro: Ouça as ideias dos alunos

Deixe que os alunos participem do processo de criação das atividades que serão realizadas em sala de aula ou em um trabalho.

 

Além de dar voz aos alunos, que se sentirão motivados por estarem sendo ouvidos, fará com que suas aulas possuam atividades mais personalizadas.

 

Afinal, nem tudo o que funciona para uma turma, funciona para outra, já que são perfis de pessoas diferentes. E, não há nada de errado com isso. Mas o professor que sabe identificar as diferenças, consegue adaptar as formas de apresentar o mesmo conteúdo de modo diferente, conseguindo que a maioria aprenda. =]

 

Gostou do meu artigo? Te ajudou com ideias para otimizar o tempo em sala de aula e ser mais produtivo? Compartilheo texto com outras pessoas. =]

material